Início Ensaios DS7 Crossback 1.5 BlueHDi Performance Line

DS7 Crossback 1.5 BlueHDi Performance Line

DS7 Crossback 1.5 BlueHDi Performance Line
0
0

“Performance lógica”

Este é o nosso terceiro ensaio a um DS 7 Crossback. Primeiro, estreamo-nos com o diesel de 180cv; depois disso, descobrimos o muito lógico motor a gasolina de 225cv, que nos fazia poupar imenso na aquisição, em comparação com o motor que bebia do combustível mais poupado nas bombas. Mas, e se quiser mesmo ter um DS7 Crossback a gasóleo, mas continuar a ser lógico? Pois bem, está aqui a solução.

As aparências iludem. Olhando para este DS 7 Crossback, parece-nos mesmo que é o mais dinâmico que já experimentámos, mas isso é apenas “fogo de vista”, uma vez que esta linha Performance Line já tinha sido estreada anteriormente na gama, e dá aos modelos um ar mais desportivo, graças ao escurecimento das superfícies cromadas, assim como jantes exclusivas. O mesmo acontece aqui, com este DS 7 Crossback a ter um ar “bem mais sério e determinado”.

O mesmo se passa no interior, com toda a pele que tínhamos visto anteriormente a ser substituída por alcântara, assim como pormenores também eles exclusivos, como o volante mais espesso e revestido em pele perfurada, ou mesmo os pespontos em três tonalidades: dourado, branco e vermelho, cores que caracterizam a DS Performance.

De resto, este lugar continua a ser bem confortável, com uma posição de condução elevada e fácil de encontrar, assim como muita tecnologia à mistura. E uma coisa é certa: não é preciso ter o DS 7 Crossback mais caro, para ter um “topo de gama”.

Esta unidade tinha tudo e mais um par de botas (ainda que fossem opcionais), falo por exemplo do Night Vision (projeta a imagem noturna no painel de instrumentos), teto de abrir panorâmico, relógio B.R.M analógico ao centro, bem como o sistema de som Focal, que faz a delícia dos audiófilos. Conta ainda com um outro equipamento, que a marca “irmã” Citroën apresentou: a ConnectedCam®, que permite ao condutor fotografar ou filmar o caminho ou local onde se encontra, e partilhar diretamente nas redes sociais…

Continuando no interior, o espaço é razoável para cinco passageiros, ainda que quatro seja o indicado. A bagageira conta com um bocal muito razoável, criando um fácil acesso a um piso plano que garante 555L de capacidade.

Mas e que motor é este?

Pois bem, o DS 7 Crossback também aproveitou (e de forma lógica) o motor diesel que mais vende no Grupo PSA. O 1.5 BlueHDi assume varias potências, surgindo aqui na mais potente de 130cv, aliada a uma suave transmissão automática de 8 velocidades. Mas a questão que se prende é: chega para as encomendas?

Obviamente que, depois de testar as duas variantes mais potentes (180 e 225cv), é notório o decréscimo de potência, mas para ser realista, este motor “mil e quinhentos” não se mostrou fraco em algum momento, sendo muito auxiliado pela transmissão que lhe assegura sempre a gama de rotações mais indicada. Prova disso é a pouca diferença no cumprimento da tarefa da aceleração dos 0 aos 100km/h, onde este motor “pequeno” demora apenas mais 1,3s que o motor de 180cv. A velocidade máxima distancia-se mais (195km/h vs 218km/h), e isso dá-nos uma imagem do que se passa na comparação destes dois motores. Até ritmos normais, este motor 1.5 BlueHDi não compromete, acima disso o 2.0 BlueHDi vence. Mas…

As vantagens deste são claras em dois pontos. Primeiro devido ao preço final, que em comparação de versões idênticas faz com que o 2.0 BlueHDi de 180cv custe mais 13.000€. Em segundo, os consumos, que com este motor torna este DS7 Crossback o mais poupado da gama, com médias de consumo que ficam facilmente abaixo dos 6 litros a cada cem quilómetros percorridos, um litro a menos que a outra opção diesel.

Portanto, no final deste ensaio, achamos que este motor 1.5 BlueHDi de 130cv é uma escolha segura para o DS7 Crossback. Dizer que este é o melhor motor da gama, não é justo. Esse prémio continua a ir diretamente para o motor gasolina 1.6 PureTech de 225cv, mas como nem todos procuramos performances, este diesel faz a junção entre o conforto, preço mais comedido e os baixos consumos, nunca esquecendo o conforto. E na verdade, é tudo isso que procuramos num SUV como este, não é?


DS 7 Crossback 1.5 BlueHDi 130 EAT8 Performance Line

Especificações:
Potência– 130cv às 3750rpm
Binário combinado – 300Nm às 1750rpm
Aceleração do  0-100 (oficial): 10,7s
Velocidade Máxima (oficial): 195km/h
Consumo Combinado Anunciado – 3,8L/100km
Consumo Combinado Medido – 6,1L/100km

Preços:
Gama DS7 Crossback desde: 43.017€
Versão ensaiada: 45.589€
Preço da viatura ensaiada: 53.618€


Carrega nas fotos e vê este DS 7 Crossback em detalhe:

 

Rodrigo Hernandez Fundador e Director Editorial, criou o MotorO2 em 2012 devido a uma tremenda vontade de escrever acerca da sua grande paixão: os automóveis! Paixão essa que existe mesmo antes de falar, já que a sua primeira palavra foi a de uma conhecida marca de automóveis. Sim, a sério!