Início Carburadores 22º Encontro Mundial dos Amigos dos 2CV em Portugal este fim-de-semana!

22º Encontro Mundial dos Amigos dos 2CV em Portugal este fim-de-semana!

22º Encontro Mundial dos Amigos dos 2CV em Portugal este fim-de-semana!
0
0

“Ericeira, capital dos 2CV por um dia”

O Citroën 2CV terminou a sua produção há 27 anos, com a ultima unidade deste modelo a sair da fábrica portuguesa de Mangualde, no dia 27 de Julho de 1990. Nessa semana, os 2CV voltam “em massa” para portugal, onde vai decorrer o “22º Encontro Mundial dos Amigos do 2CV”. O significado e o estatuto do 2CV praticamente dispensam apresentações, sendo que a popularidade do modelo continua bem viva em qualquer parte do Mundo.

Portugal, por razões muito óbvias, não é exceção. Além de ter sido o último país do mundo a produzir o 2CV, a atividade dos diversos clubes e associações nacionais ligados ao modelo é constante e tem visibilidade em todo o país e não só.

Com um programa repleto de actividades e eventos associados, alguns dos quais já na estrada, o Encontro Mundial do 2CV na Ericeira começou a ser planeado há já bastante tempo. Graças a um amplo e eficaz trabalho de divulgação por parte dos organizadores, os amigos do 2CV de todo o Mundo rapidamente aderiram ao evento nacional, pelo que a 1 de Janeiro deste ano a organização contava já com 500 carros inscritos, oriundos de nada menos do que 19 países diferentes, número que agora ultrapassa os dois milhares.

O programa começa oficialmente a 26 de julho (quarta-feira) e termina no dia 31 (segunda-feira). Como é tradição nestes encontros, há lugar para todo o tipo de actividades e eventos específicos, não ficando, naturalmente, de fora os habituais “Concursos de Elegância e de Restauro”.

Serão, também, assinalados o 27º aniversário sobre a produção da última unidade 2CV, saída da Fábrica de Mangualde (uma versão Charlstone) e os 50 anos do lançamento do Citroën Dyane, o tal modelo pensado para substituir o 2CV mas que acabou por coexistir com o mesmo (e cuja produção até terminou primeiro).

Estão também previstas outras atividades não menos interessantes e curiosas, como um “Concurso de Desmontagem-Montagem de um 2CV”, e o “Passeio em Caravana Ericeira-Mafra” (“2CV PARADE”), com paragem no Convento de Mafra, onde, por sua vez, estará montado um “Museu Citroën” com os veículos fabricados em Portugal e os modelos pertencentes ao espólio da Citroën Heritage. Agendado para o dia 30 de julho (domingo), o “2CV PARADE” tem número limitado de participantes e integrará também os mais recentes modelos Citroën, com destaque para o novo Citroën C3.

Evocando também outros tempos, a “Demonstração de PopCross” será um dos pontos altos do programa. Com três países representados (Portugal, Espanha e França), esta demonstração compreende 25 veículos totalmente preparados para dar a conhecer o que foi o Pop Cross nos anos 70, uma genuína disciplina do Desporto Motorizado, que era acessível a todos e realmente popular.

Naturalmente, não faltarão inúmeras manifestações e atividades de índole turístico, cultural-gastronómico e de lazer, dando a conhecer aos Amigos do 2CV de todo o Mundo o melhor que Portugal tem para oferecer.

Reservada apenas aos participantes que formalizaram a sua pré-inscrição no Encontro Mundial da Ericeira (processo que terminou a 31 de maio), a “Volta a Portugal em 2CV” é uma actividade relativamente livre, pois os participantes não estão obrigados a cumprir qualquer tipo de percurso, podendo escolher, a seu gosto, as cidades, vilas, aldeias e locais de Portugal que desejam visitar. É ideia é conhecer Portugal de Norte a Sul e, sempre que possível, recolher carimbos dos pontos de passagem, para preencher o seu “Passaporte Volta a Portugal em 2CV”.

Não existe qualquer tipo de cronometragem de tempo e os participantes decidem quanto tempo desejam ficar em determinado local. Uma coisa é certa, todos terão de estar na Ericeira no próximo dia 25, onde deverão entregar os seus “Passaportes”. No final, será vencedor quem coleccionar mais carimbos.

Rodrigo Hernandez Fundador e Director Editorial, criou o MotorO2 em 2012 devido a uma tremenda vontade de escrever acerca da sua grande paixão: os automóveis! Paixão essa que existe mesmo antes de falar, já que a sua primeira palavra foi a de uma conhecida marca de automóveis. Sim, a sério!