Início Ensaios Piaggio Medley 125 ABS

Piaggio Medley 125 ABS

Piaggio Medley 125 ABS
0
0

“Um Medley perfeito”

A Piaggio é talvez uma das primeiras marcas que nos vêm à cabeça quando pensamos numa scooter. A Vespa é claramente a impulsionadora dessa ideia, mas agora a Medley é o modelo mais vendido da marca e o mais capaz de ser líder de segmento, graças às suas características vencedoras. Passámos uns dias com ela, e vamos dar a conhecer esta simpática scooter 125cc!

O primeiro impacto ao chegar ao pé desta Piaggio é o seu look tipicamente Italiano, cheio de belas curvas, mostrando que uma proposta mais equilibrada e podendo dizer-se mesmo “barata”, não tem que dever à beleza. O segundo ponto é a altura de roda, alta para uma 125cc, o que nos dá logo a entender que as viagens poderão ser bem confortáveis, dentro e fora das cidades.

Sentados, ainda com o descanso no asfalto, notamos que vamos elevados, oferecendo uma grande visão sobre o que se passa à nossa volta, bem como uma maior confiança. Aqui, apenas uma ressalva para condutores mais baixos, que como experimentámos, contam com alguma dificuldade em chegar com os pés ao chão. Para quem está “à vontade”, encontra ainda um bom painel de instrumentos, com uma boa iluminação e bastante completo.

Saindo do assento, abrimos o porta-bagagens e damos de caras com um bom espaço, capaz de acolher capacetes; à frente, no painel frontal, ou como lhe chamo “porta-luvas” – isto da transição dos carros para as motos não é fácil – conta com um espaço para guardar pertences de maior valor graças à sua fechadura, bem como uma ficha USB para carregar o telemóvel.

Retirar (ou pôr) o descanso é muito simples, preparados para arrancar, a nossa passageira senta-se em posição para uma volta pela cidade, com os poisa-pés a estarem em boa posição, dando um bom apoio e o banco mais largo (face à Beverly), o que dá igualmente um maior conforto.

Depois de ligada, o motor i-GET de 4 válvulas mostra-se bastante silencioso, contando com o sistema Start-Stop (desligável), que faz prever consumos bastante baixos. O arranque é bom, não é de todo uma campeã nesse campo, mas consegue convencer e manter-se regular até uma velocidade de cruzeiro, mesmo com um segundo passageiro a bordo. Boa para ultrapassar, graças a boas retomas, consegue dar aquele “desafogo” que tanto queremos em cidade. O som continua baixo, mesmo em regimes mais elevados, provando que o tempo dos “secadores” já lá vai, agora estamos numa nova era.

A moto mostra-se sempre sob um grande controlo, mesmo em estradas mais exigentes, muito graças à boa ciclística, que dá uma boa confiança ao condutor, mesmo que não seja tão experiente. Os limites são fáceis de atingir, e em momento algum se sente algo fora de controlo. Outra grande vantagem no campo da confiança, vem através do potente sistema de travagem, facilmente doseável conta com ABS, garantindo uma paragem fácil e segura em qualquer tipo de pisos.

Agora, vamos ao ponto mais bem conseguido da Piaggio Medley, a sua poupança, seja na manutenção com bons intervalos 10.000km entre cada revisão e o seu consumo, que no nosso ensaio ficou em torno dos 2,3L a cada cem quilómetros, com um andamento sem preocupações, mas sempre com o sistema Start/Stop ligado.

O preço, esse, é uma agradável surpresa, são menos de 3.000€, precisamente 2.990€ por uma unidade com esta que veem nas fotos. Em suma, uma scooter elegante, com um motor eficiente e eficaz, segura e confortável. Uma boa parceira para uma vida agitada nas cidades.

Especificações:

Cilindrada: 125cc
Potência: 12cv às 8250rpm
Binário: 11,5Nm às 6500rpm
Peso: 138kg

Preço
Preço final Piaggio Medley 125 ABS: 2.990€

Rodrigo Hernandez Fundador e Director Editorial, criou o MotorO2 em 2012 devido a uma tremenda vontade de escrever acerca da sua grande paixão: os automóveis! Paixão essa que existe mesmo antes de falar, já que a sua primeira palavra foi a de uma conhecida marca de automóveis. Sim, a sério!