Início Ensaios Ensaio by MotorO2 – Toyota Auris 1.2 Turbo

Ensaio by MotorO2 – Toyota Auris 1.2 Turbo

Ensaio by MotorO2 – Toyota Auris 1.2 Turbo
62
0

“Trabalho de casa”

A Toyota parece ter feito bem o seu trabalho de casa. O restyling de meia vida de um modelo é algo muito importante e a marca japonesa ouviu e entendeu o que deveria mudar para tornar o Auris novamente um modelo novo.

Sim, pode-se quase chamar novo Auris, porque embora exteriormente as diferenças sejam ténues, juntas fazem uma grande diferença. A frente tem um desenho mais limpo e dinâmico, continuando mergulhante, com a grelha a estar agora mais evidenciada, exibindo a nova imagem da marca. Os faróis contam com um novo desenho mais actual e tecnológico, com os elementos LED da “moda”, rematados pelo pára-choques totalmente redesenhado que tem agora um estilo mais agressivo.

As jantes exibem também um novo desenho, enquanto existem novas cores para revestir a carroçaria. Atrás as diferenças são menores, mas de destacar a continuação da faixa cromada no pára-choques e foco nos farolins traseiros que são agora de dois tons, encaixando bem na traseira do “novo” Auris.

Mas o exterior foi o que menos mudou, já que o interior ficou muito mais actual e up-market. Continuando espaçoso, recebe novos materiais, como é o exemplo da pele a revestir a parte mais exposta da consola. Os bancos também foram revistos, oferecendo um  excelente apoio, enquanto o painel de instrumentos foi melhorado com a adição de um novo computador de bordo a cores que pode ser personalizado ao gosto do condutor.

A maior novidade foi deixada para o fim, que é o uso de uma consola central do tipo touchscreen. Não existem botões, apenas uma placa negra onde se integra o sistema Toyota Touch & Go, estando à volta deste ecrã os botões de selecção, por exemplo do volume ou da procura de estação de rádio.

Em baixo, os comandos da climatização também foram revistos, para ficar mais de acordo com restante habitáculo.

O relógio digital? Continua presente, agora um pouco mais dissimulado, mas uma coisa é certa, ninguém continua a ficar à procura das horas a bordo do Toyota Auris!

Outra das novidades está debaixo do capot. Trata-se do motor 1.2 Turbo, que difere da concorrência por ter mais um cilindro, quatro no total! Até parece estranho nos dias que correm…

Mas não é, este propulsor conta com 116cv de potência e está ligado a uma caixa de 6 velocidades. Com um funcionamento bastante redondo, parece ter uma maior cilindrada do que a realmente apresenta e uma das suas mais valias é o baixo ruído de funcionamento,  logo constatado mal rodamos a chave na ignição, em que parece que ligámos um Prius, não fosse a trepidação normal dos motores de combustão.

Na parte dinâmica o Auris passa em todos os campos de avaliação sem deixar rasto, ou seja, não é excelente, mas está bem longe de desiludir. Para isso acontecer, a posição de condução correta ajuda imenso, vamos bem sentados e com todos os elementos chave (volante, pedais e caixa) bem posicionados e com um tacto correto. Apenas a direcção poderia ter mais feeling, mas isso já é uma constante no panorama geral dos automóveis actuais…

Voltando ao motor, este 1.2 T consegue fazer bons consumos em cidade, conseguindo já em autoestrada fazer algo que o difere dos restantes, ou seja gasta menos a 120/130 km/h do que a 90/100km/h, a faixa de utilização que costuma ser mais económica.

Mais velocidade e menos consumo, parece ser uma boa receita. Este motor torna-se uma aposta para quem fez contas e não necessita de um motor diesel, já que aqui conta com um consumo honesto e com um motor de agradável utilização, muito silencioso e eficaz. O Auris está também mais atraente e por isso com melhores atributos para conquistar um maior e mais jovem público.

Toyota Auris Confort + Pack Sport 1.2 T

Especificações:

Potência – 116cv às 5200rpm
Binário – 185Nm às 1500rpm
Consumo Anunciado (Medido) – 5,3l/100km (6,2l/100km)

Preços:
Auris desde: 22.050

Auris Confort + Pack Sport 1.2 D-4T: 22.750€
Unidade Ensaiada c/opcionais: 23.160€

Texto por: Rodrigo Hernandez
Fotos/Edição por: Alexandre Figueiredo/Sérgio Gonçalves

Rodrigo Hernandez Fundador e Director Editorial, criou o MotorO2 em 2012 devido a uma tremenda vontade de escrever acerca da sua grande paixão: os automóveis! Paixão essa que existe mesmo antes de falar, já que a sua primeira palavra foi a de uma conhecida marca de automóveis. Sim, a sério!