Início Ensaios Peugeot 308 Style 1.2 Puretech 110

Peugeot 308 Style 1.2 Puretech 110

Peugeot 308 Style 1.2 Puretech 110
0
0

Tendo sido já ensaiado por nós nas suas inúmeras variantes, surgiu agora uma nova razão para voltar a reencontrar o Peugeot 308.

Sucedendo à anterior especificação Active, foi lançada a nova versão Style, que em relação a esta ganhou bancos dianteiros com um novo desenho, vidros escurecidos e a possibilidade de optar pelo Pack Sport, que consiste em embaladeiras laterais, dupla “saída de escape” e pedais e soleira das portas em alumínio. O Pack Tech, com sistema de navegação e câmara de visão traseira está disponível por 240€, ao invés dos anteriores 790€.

Ao volante, o 308 volta a confirmar o porquê de ser uma das referências do segmento. Graças a um acerto de suspensão irrepreensível, auxiliado pelas jantes de 16″ e complementado pelo cuidado isolamento acústico, tornam o familiar gaulês num veículo bastante refinado e confortável.

Os bancos redesenhados são confortáveis e proporcionam um bom apoio quando queremos curvar de forma mais decidida, onde mais uma vez a calibragem da suspensão dá cartas, graças a um excelente compromisso entre a absorção de irregularidades, a agilidade da frente à entrada da curva e o controlo da massa da carroçaria.

A posição de condução é facilmente encontrada graças às amplas regulações disponíveis. Mas se o pequeno volante é um regalo de utilização, a caixa de cinco velocidades não acompanha o restante conjunto, com um engrenamento vago e longo, ao mesmo tempo que o seu escalonamento é demasiado espaçado entre cada velocidade.

Caixa essa que está acoplada ao motor 1.2 Puretech, desta vez sobrealimentado e que disponibiliza 110cv. Devido ao binário máximo disponível logo às 1500rpm, invulgar para um motor a gasolina, a resposta ao acelerador é pronta desde os baixos regimes até aos médios, não havendo grande sentido em perseguir a “red-line”, já que por volta das 4500rpm a resposta começa a ser anémica. Esta afinação, tendo em conta a aplicação, faz sentido.

Mas o que faria mesmo todo o sentido era por mais cerca de 700€, optar pela variante de 130cv e caixa de seis velocidades do 308 Style. Afinal de contas, por tão pouca soma de dinheiro, consegue trazer mais 20cv e essencialmente, uma caixa de velocidades melhor ajustada às características do 308 e mais agradável de utilizar.

Especificações:

Potência – 110cv às 5550rpm
Binário – 205Nm às 1500rpm
Consumo anunciado (medido) – 4,6l/100km (5,2l/100km)

Preços:
Preço base Peugeot 308 Style 1.2 Puretech 110: 24.311€
Preço da viatura ensaiada: 25.297€

 

 

Alexandre Figueiredo Apaixonado por tudo o que tem quatro rodas e um motor desde tenra idade, aprecia qualquer género de automóvel, no entanto é junto de mecânicas clássicas, automobilia e peças gordurosas que se sente em casa. Prova disso é usar diariamente um automóvel de 1986... Responsável nesta nova geração MotorO2 pela secção "Carburadores", apoio logístico e reportagem.