Início Ensaios Lexus NX300h em teste antes da chegada da nova geração

Lexus NX300h em teste antes da chegada da nova geração

Lexus NX300h em teste antes da chegada da nova geração
0
0

“Tardou”

 

Pois é, estou finalmente ao volante do Lexus NX, modelo que incrivelmente nunca passou pelo MotorO2. Desde 2014 que a Lexus conta com este SUV de sucesso na sua gama, responsável por uma gigante fatia das vendas da marca de luxo japonesa. Agora, o modelo prepara-se para conhecer o seu sucessor, e eu, como forma de despedida, levei-o a passear num dos mais belos trajetos do nosso Portugal: a Costa Vicentina, até Sagres.

Esteticamente não engana ninguém, é um verdadeiro Lexus. Com isso vêm obviamente as suas linhas vincadas, angulosas e até conceptuais dos modelos da marca. Mesmo com quase sete anos de mercado, o NX300h (assim é o seu nome completo) continua atraente. Esta é a Special Edition, uma edição que se estende a outros modelos da gama, e que oferece uma boa dose de equipamento por um custo mais justo. No exterior, destaca-se pelas jantes exclusivas desta versão.



Já no seu interior começa a notar-se o peso dos anos, ainda que a qualidade, quer aos olhos quer ao tato, continua sem reparos. Esse “envelhecimento” é notório graças ao elevado numero de botões, bem como ao painel de instrumentos ainda analógico. A culpa talvez não seja deste Lexus, mas sim da evolução desenfreada a que se tem assistido no interior dos automóveis. Ao centro encontra-se o generoso ecrã do sistema multimédia, com dimensões “atuais” de 10,3’’, comandado por um “touchpad” cujo funcionamento, depois de aprendido, torna-se intuitivo.

Atrás, espaço suficiente para três adultos, abundante para dois. Existem saídas de ventilação, assim como possibilidade de reclinar as costas dos bancos para uma posição mais confortável. A bagageira apresenta uma interessante volumetria de 550L de capacidade. Este NX300h prova então que se pode juntar a beleza das linhas, com um interior espaçoso e confortável.



Após mais de 800km conduzidos, é óbvio que tenho muitas coisas para vos dizer. A primeira é que este Lexus NX300h é confortável, de facto. A marca, ainda assim, optou por uma ligação ao solo que também “pisca o olho” ao dinamismo, por isso não se espere um SUV “sem sal”. Não tem muita “pimenta”, mas tem outras vantagens…

Essas vantagens são conseguidas pelo sistema híbrido, algo que a Lexus (Toyota) sabe bem fazer. O conjunto oferece 197cv (motor de combustão mais elétrico), com uma entrega suave e serena, como se quer num automóvel deste tipo. Se é fã de Autobahn, saiba que a velocidade máxima é de 180km/h, algo que nem cheguei perto durante a minha calma toada pela costa ocidental de Portugal Continental.

Com isso (e graças a isso), os consumos permaneceram nos 6,3L/100km no final deste ensaio, um valor agradável tendo em conta as dimensões (e peso) deste NX300h. Em auto-estrada, os valores aumentam para os 7L/100km, mas equilibram graças a um grande uso do sistema elétrico em cidade. Um acaba por compensar o outro…

Apenas a direção se sente, por vezes, um pouco pesada em demasia, comparada por exemplo com a de propostas mais recentes como a do pequeno Lexus UX ou do sedan ES.

Quanto a preços, este Lexus NX300h Special Edition está disponível por 64.700 euros, um valor que parece ajustado tendo em conta a qualidade deste modelo, assim como o seu espaço e equipamento. Basicamente, o Lexus NX é uma maneira diferente de ter um SUV Premium, sem ir diretamente para as propostas alemãs, mais tradicionais.

Rodrigo Hernandez Fundador e Director Editorial, criou o MotorO2 em 2012 devido a uma tremenda vontade de escrever acerca da sua grande paixão: os automóveis! Paixão essa que existe mesmo antes de falar, já que a sua primeira palavra foi a de uma conhecida marca de automóveis. Sim, a sério!