Início Ensaios Volvo V90 Cross Country D4 AWD

Volvo V90 Cross Country D4 AWD

Volvo V90 Cross Country D4 AWD
0
0

“A Herdeira”

A Volvo V90 é a substituta da V70, e um modelo que pode mesmo ser declarado como património para a marca, devido à sua relevante importância ao fazer transitar ao longo dos anos a imagem típica do que é uma autêntica carrinha Volvo, com linhas inconfundíveis que transmitem grande robustez.

Foi também na V70, que se deu início ao uso do nome Cross Country, que em 1997, caracterizava os modelos mais aventureiros e polivalentes da marca, que têm conseguido ao longo destes 20 anos, serem “donos” de uma cada vez maior fatia das vendas. Com a substituição de algarismos na organização da gama, a Serie 90 passa a significar o exponente máximo do luxo, por isso, a V70 mudou o número sete pelo nove, e deixou de se chamar XC70 Cross Country para V90 Cross Country, já que o X está agora apenas reservado para os SUV, e como já existe um XC90 (ler ensaio), não poderia existir outro…

Exteriormente, esta variante difere da normal V90 nas proteções em plástico negro, seja na dianteira, com o seu capot longo e imponente onde se situam os elegantes faróis LED, ou na lateral, onde é visível a superior altura ao solo, com esta unidade a contar com jantes de 18’’, que deixam algum espaço para a aventura. A elegante secção traseira conclui o bom conjunto da melhor forma, com os característicos farolins verticais e com o para-choques a contar com dupla saída de escape quadrangular no plástico negro com a denominação desta versão mais radical.

Cá dentro, no seu interior, descobrimos um ambiente confortável, felizmente sem grandes diferenças para o S90/V90. O tablier é por isso de linhas direitas, envolvente e elegante, contando com bons materiais e uma robustez e qualidade de construção assinalável. Sempre bastante ergonómico e com muitos espaços de arrumação, o interior é acima de tudo confortável. Com uma posição de condução correta e fácil de encontrar, graças aos amplos ajustes, a Volvo V90 Cross Country é mais do que um automóvel robusto e confortável, é também muito tecnológico…

Isto porque ao centro do tablier, ao alcance dos nossos olhos, encontramos o ecrã táctil vertical com 9’ polegadas, bastante intuitivo graças à sua disposição, mas também ao multi-touch rápido. Aqui é possível encontrar todos os elementos necessários à condução ou ao conforto, como é o caso do sistema de navegação, climatização, telefone, ou então ajustes e personalizações, bem como uma análise mais detalhada aos consumos.

Se cá na frente, os passageiros vão muito bem instalados, o mesmo se passa no banco traseiro. Um bom espaço em largura, altura e para pernas, embora “o do meio” conte com um intrusivo túnel central. A bagageira conta com um bom acesso e formas regulares, conseguindo albergar 560L de capacidade. Destaque para a divisória metálica que vai passando de geração em geração…

Mas o mais importante é a condução, e aqui a Volvo V90 Cross Country impressiona tanto como quando a analisamos de forma estática. Tudo acontece com uma grande suavidade, é assim que descrevemos da melhor forma esta “carrinha radical”. Debaixo do capot está o motor D4 de 190cv, conectado à rápida e suave caixa automática de 8 velocidades, que é uma excelente aliada para uma condução fluída e com boas prestações. Prova disso são as rápidas recuperações, bem como uma aceleração dos 0 aos 100km/h que é feita em 8,8s, e a velocidade máxima de 210km/h, números que impressionam neste motor de “entrada”, num automóvel que pesa 1860kg e tem quase cinco metros de comprimento. Portanto, um automóvel excelente para longas viagens, oferecendo ainda consumos comedidos, que embora não sejam os anunciados, conseguem ficar abaixo dos 8L em circuito combinado.

Com o sistema AWD que dá tração às quatro rodas (existe tração dianteira com caixa manual), o Volvo V90 Cross Country passa a vencer nos dois territórios, sempre com um bom conforto. Se no asfalto se torna bem mais ágil, descrevendo melhor as curvas e saindo também melhor delas, dá também ao condutor uma maior confiança quando o clima não está tão favorável. Mas se decidirmos ir para fora-de-estrada, temos de ter em conta as óbvias limitações de um automóvel que não é feito para subir ou descer grandes obstáculos. Ainda assim, supera muitas dificuldades e pisos complicados, onde é complexo achar a aderência suficiente para avançar, tanto que houve um em que nós pensávamos que não era possível (areia muito mole e solta) e que valeu no final um:

– “Muito bem miúda! Agora safaste-me de boa…”

Depois do S90 (ler ensaio aqui), esta Volvo V90 Cross Country foi uma agradável surpresa, conseguindo ser extremamente confortável tanto para o condutor como para os passageiros, ao mesmo tempo que nos brinda com uma capacidade de carga e uma habitabilidade superior, ao mesmo tempo que ainda é capaz de proporcionar algumas aventuras fora do asfalto. Este modelo está disponível desde pouco mais de 61 mil euros, sendo que a nossa versão com caixa automática, tração integral e alguns opcionais ascende aos 71 mil euros, um valor muito adequado tendo em conta as qualidades desta verdadeira carrinha familiar, onde não é preciso pedir mais para se ser feliz…

Volvo V90 Cross Country D4 AWD 

Especificações:
Potência – 190cv às 4250rpm
Binário – 400Nm às 1750 ~ 2500rpm
Consumo Combinado Anunciado – 5,2L/100km
Consumo Combinado Medido – 7,5L/100km
Aceleração 0-100km/h (oficial): 8,8s
Velocidade máxima (oficial): 210km/h

Preços:
Volvo V90CC desde: 61.042€
Preço da versão ensaiada: 63.659€
Preço da versão ensaiada c/opcionais: 71.332€

Para ver as fotos em HD clique em View Full Size
Volvo V90 Cross Country D4
17.1 Pontos
O que gostámos mais:
- Robustez - Interior - Motor/Transmissão
O que gostámos menos:
- Alguns opcionais - Espaço para chapeleira com bancos rebatidos
Resumindo e concluíndo:
A Volvo V90 Cross Country é uma excelente carrinha para quem tem a possibilidade de a possuir. Um conjunto entre conforto e robustez da Volvo, com a capacidade aventureira de uma Cross Country. Este motor D4 é suficiente.
Motorização18
Perfomances15.5
Comportamento16.5
Consumos16
Interior18
Habitabilidade17
Materiais/Qualidade de construção18.5
Equipamento de Série17
Value for Money17

Fotos: Rodrigo Inocêncio – Photographer

Rodrigo Hernandez Fundador e Director Editorial, criou o MotorO2 em 2012 devido a uma tremenda vontade de escrever acerca da sua grande paixão: os automóveis! Paixão essa que existe mesmo antes de falar, já que a sua primeira palavra foi a de uma conhecida marca de automóveis. Sim, a sério!