Início Ensaios Abarth 595 Pista

Abarth 595 Pista

Abarth 595 Pista
0
0

“Ponto Intermédio”

A gama Abarth só conta com dois modelos, o 500, mais compacto e tradicional, e o 124 Abarth, um roadster de prestações de respeito, que tal como o primeiro modelo honra um passado rico deste preparador Austro-Italiano. Agora, a gama 500, ou 595, como lhe chama a Abarth, sofre uma adição de peso. O Pista situa-se acima do modelo de entrada – Custom – e  abaixo dos mais exclusivos Competizione e Turismo. Com uma potência de 160cv e um equipamento de série mais completo, promete ser um ponto intermédio e de grande balanço no seio da marca.

Portanto, no exterior, o que muda no Pista? Primeiro, e mais notório, são as aplicações em cor contrastante, neste caso o amarelo nos difusores dianteiros e traseiros, nas maxilas de travão e nos espelhos. Na traseira ainda é visível o símbolo desta versão e o sistema de escape record Monza, que ajudam muito a criar um “ambiente racing” neste desportivo.

No interior, as bacquets dão um bom apoio numa condução mais desportiva, mas são mais confortáveis e idênticas às das outras versões “normais”. Mas cá dentro, a principal novidade é mesmo o sistema de telemetria da marca, que permite aos condutores compararem os seus tempos em várias pistas que são carregadas no sistema. Vale o que vale, mas é um atributo que pode importar a muitos, já que esses dados podem ser depois exportados e visualizados seja num computador, tablet ou mesmo no nosso smartphone.

Mas o que mais interessa num Abarth são mesmo as suas performances, e para isso, o 595 Pista conta como toda a gama, com o motor 1.4 T-Jet, aqui na variante de 160cv, um excelente valor tendo em conta o baixo peso de 1100kg (6,5kg/cv). Na vertente técnica, o sistema de travagem foi melhorado, bem como o que nos liga ao solo, não só pelos pneumáticos montados nas jantes de 17’’, mas também pelo uso da suspensão traseira Koni com tecnologia FSD.

Na prática, a eficácia desse conjunto torna-o num automóvel bastante rápido e focado. O motor é bastante vivo a baixa rotação, ainda para mais se usado no modo Sport, onde o acelerador fica bem mais reactivo, com toda essa potência a continuar até as 5000rpm, onde a caixa de cinco velocidades – ainda que não seja um hino à precisão – é bastante bem escalonada e está posicionada de uma forma mais elevada, e por isso, mais ergonómica.

O Abarth 595 Pista, ainda que não conte com um diferencial autoblocante mecânico, como o Competizone pode ter, não conta com perdas de tracção, mas sim com um comportamento muito divertido. Para aumentar essa sensação, o som de escape torna-se um importante ator, a dar aquele toque de paixão como os Italianos tão bem sabem dar aos objectos.

Quanto ao equipamento, o 595 Pista é bastante completo, com um enfoque no completo painel de instrumentos 100% digital, ar condicionado, sistema UConnect com Bluetooth e MP3 e faróis de nevoeiro. Como opcional, o sistema de navegação, o espelho interior electrocromático e o ar condicionado automático.

É este o Abarth mais equilibrado de todos? Achamos que sim. Tem um perfeito balanço entre a desportividade e a usabilidade de um desportivo. O Pista vem bem equipado, conta com o sistema de escape como os Abarth “a sério”, para além de ser dotado de uns respeitosos 160cv. Sim, era o que eu comprava.

És fã de Abarth?
Então lê o ensaio ao “Big Boss”, ao super-carro mais pequeno do mundo: o Abarth 695 Biposto!

Abarth 595 Pista

Especificações:
Potência – 160cv
Binário – 230Nm às  3000rpm
Consumo Combinado Anunciado – 6,0L/100km
Consumo Combinado Medido – 6,7L/100km
Aceleração 0-100km/h (oficial): 6,9s
Velocidade máxima (oficial): 216km/h

Preços:
Abarth 595 desde: 21.800€
Preço base da versão ensaiada: 24.800€
Preço da unidade ensaiada: 25.800€

Rodrigo Hernandez Fundador e Director Editorial, criou o MotorO2 em 2012 devido a uma tremenda vontade de escrever acerca da sua grande paixão: os automóveis! Paixão essa que existe mesmo antes de falar, já que a sua primeira palavra foi a de uma conhecida marca de automóveis. Sim, a sério!